produzi-me para ir ter contigo, tu não quiseste.
tentei beijar-te e poder tocar-te com a minha mão que procurava poder percorrer o teu longo braço, afastaste-me.
fui embora com a esperança que viesses atrás de mim, me agarrasses pela mão e dissesses "espera, eu amo-te", mas não, não o fizeste.
abri a porta de casa com uma pequena chave que dava para o meu solitário mundo, sentei-me num sofá castanho e robusto, encolhi-me e levei as mãos à cara, para que não se pudesse ver o meu rosto.
olhei para o telefone à espera que me telefonasses, mas não o fizeste.
passei dias a fio sentada naquele sofá à espera da tua palavra, mas não houve qualquer efeito.
quando finalmente decidi esquecer-te e fugir deste pequeno país, tu apareceste e disseste que nunca me irias deixar, que não queria apenas que eu o beijasse nem tocasse, queria sim que eu o agarrasse e ficasse assim para sempre, para que nunca nos separássemos.
mas aí eu pensei: "mas qual a explicação de não teres ido atrás de mim quando me fui embora?"
a sua explicação apenas foi que eu era o seu mundo, e ele queria ver como era o mundo cinzento e sem alegria, que esperava o momento certo para voltar e dizer que me amava.
aí sim, percebi que valia a pena tudo o que tinha feito.

10 comentários:

Patricia Paula disse...

Ena Bia :D isto está lindo *.* continua com este teu «projecto» (como tu mesma lhe chamas-te XD) ! Escrever faz crescer sabias ? Não pares :)

someone disse...

haha pois é, tem de ser, tento fazer melhor sempre que posso.
obrigada patrícia! :)

Anónimo disse...

adorei *.*

someone disse...

obrigada :)

Anónimo disse...

Wow, lindo Beatriz!
Estás de parabéns :o
Continua assim, estarei aqui para ler estes textos todos *-*
amo-te!

someone disse...

obrigada <3
eu sei que estarás *-*
amo-te!

MLima disse...

Owww que romantica *-* hahahah Muito bom, sim senhora =P

Anónimo disse...

este tezto naõ faz sentido nenhum...

someone disse...

obrigada marco

someone disse...

talvexx fazas teztoz melhorex , "ke" axax?